Caminhos da assistência estudantil e ações inclusivas são temas do segundo dia do encontro regional

última modificação 19/11/2014 07h46

O segundo dia do Encontro Nordestino de Assistência estudantil dos Institutos Federais foi tão produtivo quanto a abertura do evento que reúne no câmpus Penedo localizado na região sul de Alagoas, cerca de 200 servidores dos Ifs do Nordeste, além de representantes dos estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio Grande do Sul. O tema  ‘Caminhos para uma Atenção Integrada na Assistência Estudantil no âmbito dos Institutos Federais’  despertou a atração dos participantes pelo fato de ser  bastante vinculado às atividades diárias exercidas pela  maioria das  envolvidas com a política estudantil dos IFs. A primeira mesa-redonda foi composta por Heide de Jesus Damasceno, assistente social do Instituto Federal da Bahia, Celsa Maria Calheiros Tenório, técnica em Enfermagem do Câmpus Palmeira dos Índios e Emanuela Teixeira Gaia, nutricionista do Ifal.

Heide Jesus relatou algumas experiências vividas no IFBA no tocante às políticas de assistência estudantil. Para ela, ‘ há uma complexidade muito grande nesse setor que não pode se resumir apenas a uma ou duas categorias profissionais, s sim necessita de uma maior valorização dos gestores, fazendo com que o problema do aluno, não fique oculto dentro da estrutura dos institutos’ mencionou. Heide exemplificou casos de alunos com problemas de saúde mental, com conflitos na família e a timidez diante de uma estética corporal, como algumas ações que devem ser levadas à sério pelos profissionais da área de saúde e educação que realizam atividades junto aos estudantes. A palestra de Heide Jesus ensejou uma série de questionamentos sobre o papel das categorias que atuam na assistência ao aluno e, entre as sugestões feitas uma delas é agregar um coletivo para superar as dificuldades e fazer com que as instituições comecem a dar mais atenção aos programas estudantis. “Não adianta somente investir em bolsas de assistência porque existem casos mais urgentes a ser resolvidos na relação do aluno-escola”, enfatizou um dos participantes.

Na opinião da palestrante, a assistência estudantil detém de uma gama, considerável de recursos financeiros, porém, na maioria dos casos, a verba é devolvida por falta de um melhor critério de aplicação dos programas de políticas estudantis.

Na palestra complementar da manhã desta terça-feira (18) , as servidores do Ifal, Celsa Calheiros (técnica em enfermagem) e Emanuelle Teixeira (nutricionista) apresentaram um levantamento sobre a assistência estudantil  realizado no  Câmpus de Palmeira dos Índios. Elas expuseram que,  para chegar a um diagnóstico sobre essa situação traçaram o desenvolvimento um plano de ação com uma equipe multidisciplinar , monitoraram a evasão escolar, realizaram reuniões bimensais com os alunos beneficiados com  bolsas ou auxílios e enquete sobre violência doméstica, saúde , bullying, alimentação saúde. Segundo  Emanuelle Gaia, alguns  discentes foram identificados com  hipertensão, obesidade, com necessidade de suprimentos  nutricionais. O projeto se transformou em pesquisa que envolve hoje alunos de várias áreas de ensino do Ifal.  O tema também foi bastante  discutido entre  os presentes.

Ações inclusivas

A última palestra desta manhã foi  de Kelly Sarmento, do Instituto Federal do Rio Grande do Norte, coordenadora do Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (Napnes) e especialista em Educação Inclusiva que  proferiu palestra sobre o tema “Diversidade e Inclusão: Caminhos para a Educação  Inclusiva”. A palestrante  citou diversas ações inclusivas que deram certo no IFRN que dispõem  de necessidades de atendimento específicos. Uma dinâmica, no início da exposição, chamou a atenção dos participantes , quando a palestrante mostrou algumas imagens  pessoas diferentes e perguntou ao público qual seria a profissão daquelas pessoas, causando surpresa à plateia ao divulgar o resultado.

 

 

Notícias
Ifal Maceió: abertas inscrições para projeto de capacitação profissional de jovens e adultos 07/05/2015
Projeto de extensão de Etnoimagens do câmpus Maceió aceita inscrições até 15 de maio 06/05/2015
Site institucional ficará indisponível nesta quinta-feira (07) 06/05/2015
Coretfal: cantando por todos os cantos 06/05/2015
Confira o resultado final da seleção para supervisor, orientador e apoio do programa Mulheres Mil 06/05/2015
Alunos do curso de Agropecuária são recepcionados por equipe gestora do Ifal 05/05/2015
Câmpus Maceió e Penedo são campeões da OAFOG nas categorias Equipe e Colégio 05/05/2015
Representantes de empresa da Bélgica conhecem pesquisas do Ifal na área de fibra óptica 05/05/2015
Pronatec seleciona professores para curso de Mecânica de motos 04/05/2015
Confira o resultado da seleção Pibid 2015 04/05/2015
Ifal e Estado planejam parcerias na área de ciência e tecnologia 30/04/2015
Acesse o resultado preliminar da 3ª fase do concurso para professor efetivo do Ifal 30/04/2015
Sérgio Teixeira é empossado reitor do Ifal pelo ministro da Educação 29/04/2015
Câmpus Viçosa dá boas-vindas a alunos do ensino técnico 28/04/2015
Edição 2015 da Olimpíada Alagoana de Foguetes começa nesta sexta-feira (1º) 28/04/2015
Curso de licenciatura em Ciências Biológicas do Ifal Maceió recebe nota 4 do MEC 27/04/2015
Câmpus Maragogi desenvolve projeto de extensão para assentamento de Nova Jerusalém 27/04/2015
Divulgado o resultado preliminar do edital Mulheres Mil 27/04/2015
Pesquisa de docente do Ifal Marechal sobre reaproveitamento da manipueira é exibida em programa de TV 27/04/2015
Pró-reitor do Ifal é nomeado para o Conselho Superior da Fapeal 24/04/2015